Bem-vindo ao Dia do Asteroide Portugal

Um movimento global que ajuda a proteger a Terra de asteroides.

Contagem decrescente até ao próximo Dia do Asteroide, 30 de junho 2017:

-144Dias -11Horas -32Minutos -32Segundos
Mais de 1 milhão de asteroides têm potencial de colidir com a Terra e, através de todos os telescópios disponíveis no mundo, descobrimos apenas cerca de um por cento. A Declaração
100x apela ao aumento da taxa de descoberta de asteroides para 100.000 (ou 100x) por ano n próxima década. "Quanto mais aprendemos sobre impactos de asteroides, mais claro se torna
ue a raça humana tem vivido com os dias contados", frisou Brian May. "O Dia do Asteroide e  Declaração 100x são formas de o público contribuir para a consciencialização da vulnerabilidad da Terra e a perceção de que os asteroides atingem a Terra constantemente". O Dia do Asteroide eria o veículo para angariar apoio público, com vista a aumentar o nosso conhecimento dequando os asteroides podem colidir com a Terra e de como podemos proteger-nos."O alerta precoce é o ingrediente essencial da defesa planetária", disse Rusty Schweickart, Astronauta Apollo 9, fundadora da Associação de Exploradores Espaciais (ASE) e presidente do
Painel de Peritos do Dia dos Asteroides. "O tempo é o problema. Com a taxa atual de descoberta de NEOs de tamanho igual ou superior a 20 metros de cerca de 1000 / ano, levará mais de 1.000
anos para encontrar um milhão de NEOs que constituem potenciais ameaças à Terra. Trata-se de um tempo muito longo e, mesmo assim, teríamos alcançado apenas 10% dos objetos com
tamanho igual ao meteorito de Chelyabinsk que apresentam potencial risco de colisão.” Uma conferência de imprensa para anunciar o lançamento do Asteroid Day / Dia do Asteroide foi
realizada simultaneamente em Londres e São Francisco, em 3 de dezembro de 2014. Representando o Asteroid Day em Londres estiveram Richters, May e Rees, e em São Francisco,
Schweichart, Lu e Tom Jones, presidente da Associação de Exploradores Espaciais (ASE). Lord Martin Rees leu a Declaração 100x e a lista de signatários cresceu rapidamente alcançando
centenas de cientistas, físicos, astronautas e Prêmios Nobel célebres de 30 países e grandes empresários e artistas. Entre os assinantes originais incluem-se Anousheh Ansari, Stewart Brand,
Brian Cox, Richard Dawkins, Alan Eustace, Peter Gabriel, Steve Jurvetson, Jane Luu, Dr. Brian May, Greg McAdoo, Peter Norvig, Helen Sharman, Jill Tarter, Kip Thorne e mais de 38 Astronautas e cosmonautas.
Hoje, a Declaração 100x foi assinada por mais de 22,000 cidadãos em todo o mundo.

Para uma listagem completa de notáveis signatários, visite: http://www.asteroidday.org/signatories-list

Em fevereiro de 2014, o Dr. Brian May, astrofísico e famoso guitarrista da banda de rock
Queen, começou a trabalhar com Grigorij Richters, diretor de um novo filme intitulado 51 Degrees North
(51 Graus Norte), uma história de ficção sobre o impacto de um asteroide em
Londres e a consequente condição humana. May compôs a música para o filme e sugeriu que Richters fizesse uma pré-estreia na Starmus, um evento organizado pelo Dr. Garik Israelian e
contando com as participações de famosos astrofísicos, cientistas e artistas, incluindo o Dr. Stephen Hawking, Richard Dawkins e Rick Wakeman. O resultado foi o início das discussões
que levariam ao lançamento do Dia do Asteroide em 2015.
Para garantir que a ideia recém-surgida tivesse apoio geral, May apresentou Richters à fundação B612, uma organização sem fins lucrativos com sede nos Estados Unidos, criada
para proteger o mundo de asteroides perigosos através da sua deteção precoce.
Os cofundadores da Fundação B612, o astronauta da missão Apollo 9 Rusty Schweickart e o Dr. Ed Lu, astronauta em três missões, juntamente com a Diretora de Operações, Danica
Remy, trouxeram ao Dia do Asteroide uma equipa de especialistas em defesa planetária e diversos contatos em todo o mundo. Os quatro cofundadores oficiais do Dia do Asteroide são:
Dr. Brian May, Danica Remy (diretora da B612), Grigorij Richters e Rusty Schweickart.
Os cofundadores do Dia do Asteroide, juntamente com o Dr. Ed Lu, o astronauta Tom Jones e o Dr. Mark Boslough, um respeitado cientista especialista em asteroides, redigiram a
Declaração 100x Asteroide. Os primeiros signatários desta declaração foram celebridades como Lord Martin Rees, astrónomo real do Reino Unido, o artista musical Peter Gabriel e
outros especialistas em defesa planetária. Os cofundadores posteriormente procuraram o endosso da Declaração 100x Asteroide por mais de 100 astronautas, vencedores do prêmio
Nobel, artistas e grandes empresários em todo o mundo. O anúncio público da Declaração 100x e a proclamação do dia 30 de junho como o Dia do Asteroide iniciaram uma campanha
global com milhares de apoiantes por todo o globo.
O Dia do Asteroide acontece anualmente no dia 30 de junho. É uma campanha de consciencialização global onde pessoas de todo o mundo se reúnem para aprender sobre
asteroides, o risco de impacto que eles podem representar e o que podemos fazer para proteger o planeta, famílias, comunidades e gerações futuras de possíveis impactos de
asteroides. O Dia do Asteroide é realizado todos os anos no aniversário do maior impacto na história recente, o evento de 1908 em Tunguska, na Sibéria. Um asteroide relativamente
pequeno, com cerca de 40 metros de diâmetro ou o tamanho de um modesto prédio de escritórios, devastou uma área despovoada do tamanho de uma grande cidade metropolitana.
No Dia do Asteroide, são organizados, por país ou região, vários eventos que vão de palestras e outros programas educacionais até espetáculos ao vivo e eventos comunitários mais amplos,
para aumentar a consciência pública da necessidade de maior deteção e rastreamento de asteroides.
A Declaração 100x Asteroide*, que apela para esta ação, foi assinada por centenas de astronautas, cientistas, artistas, empresários e peritos em tecnologia, além de milhares de
cidadãos comuns. Empregar a tecnologia existente e uma nova para detetar e controlar os asteroides e demonstrar capacidades de desvio de asteroides para evitar futuros impactos
destes corpos poderiam ser o maior feito da humanidade. O Dia do Asteroide poderia um dia ajudar a salvar TODAS as espécies deste planeta, realçando o trabalho em curso nesta área, a
nível local e global. O Dia do Asteroide homenageia homens e mulheres que dedicam as suas vidas à ciência e à tecnologia que permitirão a defesa do nosso planeta. Você pode ajudar
organizando um evento local e assinando a Declaração 100x. Estamos a aprender continuamente sobre a evolução do Sistema Solar e o papel dos asteroides no espaço e na
história da Terra. Pequenos impactos são frequentes e a NASA revela que os esforços mundiais até ao momento localizaram cerca de 95% dos asteroides que, em caso de impacto,
podem acabar com a vida na Terra como a conhecemos. Com base no que se sabe sobre a população de NEOs e a história de impactos da Terra, os cientistas preveem que a Terra irá
sofrer um impacto de grande escala algum dia no futuro – eles apenas não sabem exatamente quando. O nosso objetivo é aumentar a consciencialização pública sobre a ciência dos
asteroides e planos para a defesa do planeta.
*A Declaração 100x Asteroide: O 100x é uma meta ambiciosa. Os projetos atuais de pesquisa de asteroides conseguem detetar aproximadamente 1.500 asteroides por ano que se podem
aproximar da Terra. É improvável que consigamos detetar 100 vezes este número de asteroides por ano com as nossas capacidades atuais.
Teresa Monteiro Seixas

Coordenadora do Dia do Asteroide por Portugal

O meu nome é Teresa Seixas. Sou docente do Departamento de Física e Astronomia da Faculdade de Ciências da Universidade do Porto. Sou, também, investigadora no Centro de Investigação da Terra e do Espaço da Universidade de Coimbra. Pode contactar-me diretamente aqui: tmseixas@fc.up.pt

 

O Dia do Asteroide é apoiado por centenas de notáveis cientistas, astronautas, empresários, artistas, vencedores do prêmio Nobel e centenas de milhares de cidadãos comuns.

Veja os signatários do Dia do Asteroide

©2017 Asteroid Day, All rights reserved